Depois de Federer, Roddick é outro favorito a cair em Toronto

quinta-feira, 24 de julho de 2008 18:57 BRT
 

Por Steve Keating

TORONTO (Reuters) - Andy Roddick destruiu sua raquete no chão para lamentar a derrota por 6-4, 4-6 e 6-4 para o croata de 19 anos Marin Cilic na terceira rodada do Masters Series de Toronto, nesta quinta-feira.

Com o mundo do tênis ainda tentando absorver a derrota do número 1 do mundo, Roger Federer, para o francês Gilles Simon na véspera, Cilic causou outra surpresa ao eliminar o sexto cabeça-de-chave do torneio em pouco menos de duas horas.

Simon, depois da vitória citada por ele como a maior da carreira, voltou a jogar bem nesta quinta-feira, 14 horas depois de derrotar Federer, e avançou para as quartas-de-final com uma vitória por 6-3 e 6-4 sobre o argentino José Acasuso.

Numa quadra central lotada, o atual campeão Novak Djokovic continuou a mostrar seu excelente jogo e passou pelo sueco Robin Soderling por 6-4 e 6-4, também alcançando as quartas-de-final. O sérvio de 21 anos segue a caminho de uma semifinal contra o campeão de Wimbledon e Roland Garros, Rafael Nadal.

"Joguei o que precisava, nos momentos importantes eu acertei algumas boas bolas", disse Djokovic, vencedor de três torneios neste ano, incluindo o Aberto da Austrália.

Roddick, que disputava apenas sua 7a partida no ano após ter sofrido uma contusão no Masters de Roma, em maio, pareceu perplexo diante do jovem adversário de golpes potentes.

Após perder o primeiro set, o norte-americano quebrou o serviço do adversário número 44 do mundo em 5-4 para levar a segunda parcial, mas não conseguiu manter o momento e Cilic logo conseguiu uma quebra, que lhe garantiu a vantagem até o final.

"Algo não estava confortável", disse Roddick a repórteres.

 
<p>Depois de Federer, Roddick &eacute; outro favorito a cair em Toronto. Andy Roddick destruiu sua raquete no ch&atilde;o para lamentar a derrota por 6-4, 4-6 e 6-4 para o croata de 19 anos Marin Cilic na terceira rodada do Masters Series de Toronto. 24 de julho. Photo by Mark Blinch</p>