Espanha deve aprender com Itália a disputar títulos, diz técnico

terça-feira, 25 de março de 2008 16:37 BRT
 

MADRI (Reuters) - A Espanha deve tentar seguir o exemplo da Itália, se quiser se livrar da fama de mau desempenho em grandes torneios, segundo o chefe do time, Luis Aragones.

"Recentemente, li que um jogador dizendo que a Espanha não tem competitividade e isso é algo que eu já venho dizendo há um tempo", disse Aragones em uma coletiva de imprensa na véspera do amistoso contra os campeões do mundo.

"Houve vezes em que eu tinha um time que poderia ter avançado mais, mas isso não aconteceu."

"A Itália tem jogadores muito bons, fortes fisicamente, inteligentes, que sabem competir."

Aragones afirmou que, apesar do estilo de jogo da Espanha ser diferente do da Itália, o time poderia aprender muito com a atitude de jogadores italianos como o meia Gennaro Gattuso, do Milan.

"Ele (Gattuso) é um ótimo jogador e sempre faz bem seu trabalho. Ele e outros membros do time podem nos ensinar muito sobre o que significa competir e se sacrificar em um jogo."

A Espanha enfrentou a Itália em Elche no último jogo antes de Luis Aragones anunciar a convocação para a Euro 2008, na qual seu time está no grupo D com os campeões europeus Grécia, Rússia e Suécia.

A Itália está se aquecendo para sua campanha no grupo C, no qual enfrentará França, Holanda e Romênia, nas eliminatórias para a Copa do Mundo.

O único título da Espanha em um grande torneio internacional foi em 1964, quando foi campeã da Eurocopa, derrotando a União Soviética por 2 x 1 em Madri.

(Reportagem de Simon Baskett)