26 de Junho de 2008 / às 23:22 / 9 anos atrás

Torcedores ainda vibram pela Rússia, mesmo com eliminação

Por Gennady Fyodorov

MOSCOU (Reuters) - Torcedores russos desapontados, porém orgulhosos, saíram às ruas na noite desta quinta-feira após assistirem à derrota de 3 x 0 para a Espanha na semifinal da Euro 2008 no estádio Ernst Happel, em Viena.

Muitos esperavam uma repetição das comemorações de sábado, quando 700.000 torcedores festejaram em Moscou a vitória da Rússia por 3 x 1 sobre a favorita Holanda nas quartas-de-final da competição.

A televisão russa informou que a polícia de Moscou havia estimado que ainda mais pessoas sairiam nas ruas da cidade para comemorar caso a Rússia vencesse a Espanha.

“O número poderia chegar a 3 milhões de pessoas”, disse o programa estatal Vesti news citando a polícia antes da partida.

Milhares de policiais de choque fizeram guarda em Moscou para manter o controle entre os torcedores e nenhuma ocorrência foi reportada.

Enquanto a maioria dos torcedores, que assistiram a partida sendo jogada em Viena em bares e restaurantes, iam para casa com os corações partidos em silêncio, cantos da torcida ainda podiam ser ouvidos pela cidade.

Gritos de “Rossiya, Rossiya” ecoaram pela noite enquanto outros gritavam “Guus, Guus, Guus”, em homenagem ao técnico da seleção russa, o holandês Guus Hiddink.

Hiddink se tornou um herói nacional para milhões de russos da noite para o dia, transformando um time considerado por muitos como limitado e fraco em uma das equipes mais atraentes da Euro 2008.

Nas últimas duas semanas a febre do futebol contagiou o maior país do mundo, do mar Báltico até a Sibéria, enquanto a campanha improvável da Rússia continuava no torneio sediado em conjunto por Suíça e Áustria.

“Foi como um sonho, mas como um sonho, precisa acabar mais cedo ou mais tarde”, disse um torcedor envolvido em uma bandeira russa enquanto saía de um bar no centro da cidade.

“Mas ainda estamos orgulhosos de nossa seleção e de Guus Hiddink, nosso técnico, por tudo que ele fez pelo futebol russo. Eu realmente espero que ele continue no cargo e que continue seu trabalho, e assim na próxima vez com certeza seremos campeões.”

A Espanha enfrenta a Alemanha na final do torneio no domingo.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below