Adriano vê volta à seleção brasileira como recomeço da carreira

quarta-feira, 28 de maio de 2008 19:21 BRT
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - De volta à seleção brasileira após quase um ano e meio de afastamento, o atacante Adriano afirmou que está encarando o seu retorno como um reinício da carreira na equipe nacional.

"Para mim vai ser como um recomeço. Vou me esforçar e trabalhar para ser lembrado novamente e continuar no grupo", disse o jogador antes do embarque da seleção brasileira para os amistosos contra Canadá e Venzeuela, nos Estados Unidos.

"É sempre bom voltar à seleção e rever os amigos. É uma satisfação muito grande estar de volta", completou o jogador, que disputou o Mundial de 2006 na Alemanha.

Pela equipe nacional, Adriano foi campeão --com atuação decisiva-- na Copa América de 2004 e na Copa das Confederações de 2005.

O jogador tinha sido convocado pela última vez em fevereiro do ano passado, para o amistoso contra Portugal, no qual o Brasil foi derrotado por 2 x 0.

Adriano agradeceu ao São Paulo, clube com o qual ainda tem compromisso até o início de julho, pelo retorno à seleção brasileira.

"Eu diria que 70 por cento do que aconteceu neste primeiro semestre comigo eu devo ao São Paulo. Foi onde eu recomecei tudo depois dos problemas que eu tive", disse o centroavante, que desde o início do ano marcou 17 gols pelo tricolor paulista no Campeonato Paulista e na Copa Libertadores.

O jogador não descartou a possibilidade de jogar as Olimpíadas de Pequim em agosto deste ano, mas ponderou que isso dependeria de uma negociação entre a CBF e a Inter de Milão, clube que o emprestou ao São Paulo por seis meses, mas que ainda vai decidir se fica com ele ou se irá negociá-lo.

Após os dois amistosos, o Brasil enfrenta o Paraguai em Assunção, dia 15 de junho, e a Argentina, dia 18 de junho, em Belo Horizonte, pelas eliminatórias da Copa do Mundo.

(Reportagem de Rodrigo Viga Gaier)