Geração vitoriosa da Espanha é esperança para futuro

segunda-feira, 30 de junho de 2008 14:29 BRT
 

Por Mark Elkington

MADRI (Reuters) - A conquista da seleção espanhola na Euro 2008, após 44 anos sem título, serviu de inspiração para a imprensa espanhola prever um futuro vitorioso para o país.

"Somos os campeões", afirmaram os jornais Marca e AS, que coloriram suas capas com o goleiro e capitão Iker Casillas levantando o troféu.

O atacante do Liverpool Fernando Torres marcou o único gol do jogo em Viena, no domingo, dando a Espanha o segundo troféu europeu, após o título conquistado em 1964.

A mídia elogiou o espírito da equipe e a forma que diferentes jogadores progrediram durante o torneio, levando o time ao título. O goleiro Casillas e o atacante David Villa, artilheiro da Euro, estiveram entre os destaques.

"David Villa foi o protagonista contra Rússia e Suécia. Xabi Alonso esteve acima dos outros contra a Grécia. Iker Casillas reapareceu com todo o seu esplender contra a Itália", disse o Marca.

"Cesc Fabregas se estabeleceu contra a Rússia, e dessa vez a glória foi para Torres."

O técnico Luis Aragonés, que está deixando a seleção e deve assumir o clube turco Fenerbahçe no lugar do brasileiro Zico, recebeu os méritos por ter conseguido unir a equipe em busca do objetivo.

Apesar de algumas substituições terem sido questionadas por parte da imprensa, ele foi elogiado por ter deixado de fora jogadores experientes como Raul e Santiago Cañizares para apostar na juventude.   Continuação...

 
<p>Jogadores da sele&ccedil;&atilde;o espanhola comemoram t&iacute;tulo da Eurocopa 20008 ap&oacute;s derrotar a Alemanha na final, dia 29 de junho, em Viena. A conquista da sele&ccedil;&atilde;o espanhola na Euro 2008, ap&oacute;s 44 anos sem t&iacute;tulo, serviu de inspira&ccedil;&atilde;o para a imprensa espanhola prever um futuro vitorioso para o pa&iacute;s. Photo by Kai Pfaffenbach</p>