Uefa apóia Polônia e Ucrânia como anfitriões da Euro 2012

quarta-feira, 24 de setembro de 2008 14:00 BRT
 

Por Darren Ennis

BRUXELAS (Reuters) - A Uefa deve manter sua decisão de indicar a Polônia e a Ucrânia como anfitriões da Euro 2012 na sexta-feira, apesar da falta de progressos nos preparativos para sediar o torneio.

O comitê executivo da Uefa também deve apoiar uma ampliação do torneio de 16 para 24 times no encontro de dois dias que se inicia na quinta-feira em Bordeaux, a despeito das críticas de que isso poderia diluir a qualidade do evento.

Um relatório de progresso sobre a capacidade de Polônia e Ucrânia para sediar o evento dentro de quatro anos deve criticar as duas nações, mas não a ponto de recomendar que a Uefa retire seu direito de sediar a competição.

"O relatório será crucial. Mas ainda é muito cedo para o comitê tomar a decisão de retirar a Euro 2012 dos dois países", disse uma autoridade da Uefa familiarizada com os preparativos para o encontro.

O presidente da Uefa, Michel Platini, visitou a Polônia e a Ucrânia duas vezes este ano e alertou as autoridades do risco de perderem o direito de receber o evento se os estádios e a infra-estrutura não estiverem prontos.

"Mas o relatório também vai mostrar algum progresso, talvez não o suficiente mas algum, desde a última visita de Michel em julho", disse a autoridade da organização.

O relatório de quinta-feira se baseia em uma visita de inspetores da Uefa às duas nações no mês passado.

A Polônia e a Ucrânia foram premiadas com a Euro 2012 no ano passado, derrotando competidores como a Itália e a dupla Hungria-Croácia.   Continuação...