Dunga aposta em volta de Kaká e deixa Ronaldinho fora da seleção

quinta-feira, 25 de setembro de 2008 14:53 BRT
 

Por Pedro Fonseca

RIO (Reuters) - O meia Kaká voltará a vestir a camisa da seleção brasileira após 11 meses nos jogos do mês que vem contra Venezuela e Colômbia, após ter sido convocado pelo técnico Dunga, nesta quinta-feira, para os próximos compromissos da equipe nas eliminatórias para a Copa do Mundo de 2010.

A grande surpresa da lista foi a ausência de Ronaldinho Gaúcho, titular nos últimos jogos da seleção e na Olimpíada de Pequim e que está no banco de reservas no Milan.

Já Kaká ainda não entrou em campo pela seleção brasileira em todo o ano de 2008 e retorna ao time num momento delicado para o treinador, que viu a pressão aumentar após o frustrante empate por 0 x 0 com a Bolívia, no estádio Engenhào, na última partida.

Kaká já havia sido convocado em outras oportunidades este ano, porém acabou cortado devido a diferentes contusões. O jogador, que passou recentemente por uma cirurgia no joelho mas já voltou a jogar pelo Milan, disputou sua última partida pelo Brasil em novembro de 2007, na vitória por 2 x 1 sobre o Uruguai, no Morumbi, também pelas eliminatórias.

O Brasil, vice-líder das eliminatórias com 13 pontos em 8 jogos, pega a Venezuela, fora de casa, no dia 12 de outubro e depois recebe a Colômbia, no dia 15.

Veja a lista de convocados:

Goleiros: Júlio César (Inter de Milão) e Doni (Roma)

Zagueiros: Lúcio (Bayern de Munique), Alex Costa (Chelsea), Juan (Roma) e Thiago Silva (Fluminense);   Continuação...

 
<p>Dunga aposta em volta de Kak&aacute; &agrave; sele&ccedil;&atilde;o brasileira. REUTERS/Alessandro Garofalo (ITALY) (Newscom TagID: rtrphotosthree003279) [Photo via Newscom]</p>