Fifa alerta Polônia sobre suspensão nas eliminatórias da Copa

quarta-feira, 1 de outubro de 2008 15:46 BRT
 

Por Darren Ennis

BRUXELAS (Reuters) - O governo polonês deve reintegrar a federação de futebol do país até o dia 6 de outubro ou a seleção polonesa irá correr o risco de ser suspensa das eliminatórias para a Copa do Mundo de 2010, disse a Fifa nesta quarta-feira.

Um porta-voz da Fifa confirmou que se a Polônia estiver infringindo os estatutos da entidade até depois do prazo final, os jogos das eliminatórias contra a República Tcheca, no dia 11 de outubro, e contra a Eslováquia, no dia 15 de outubro, podem não acontecer e os adversários podem receber vitórias de 3 x 0.

O conselho administrativo da Associação de Futebol Polonesa (PZPN) foi dissolvido na segunda-feira pelo tribunal arbitral do país e substituído por um administrador a pedido do ministro dos Esportes, Miroslaw Drzewiecki, em um esforço contra a corrupção.

A Fifa e a entidade que comanda o futebol europeu, a Uefa, -- cujas regras não permitem a interferência dos governos no esporte -- disseram que não reconhecem o administrador Robert Zawlock. O governo polonês também foi alertado que poderia perder o direito de co-sediar a Eurocopa de 2012, ao lado da Ucrânia.

"A Fifa mandou hoje uma carta, para ressaltar o fato de que as autoridades internacionalmente reconhecidas da federação devem ser restabelecidas, para que as duas partidas eliminatórias para a Copa do Mundo de 2010 sejam devidamente realizadas", disse a Fifa em comunicado.

"A carta indica o prazo final do dia 6 de outubro para que as autoridades reconhecidas pela Fifa e a Uefa recebam o controle completo das operações da Associação Polonesa de Futebol. A Associação Polonesa está sendo lembrada das possíveis consequências definidas em caso de violação dos estatutos da Fifa."