Berdych bate Roddick e chega à final de Tóquio contra Del Potro

sábado, 4 de outubro de 2008 12:21 BRT
 

Por Alastair Himmer

TÓQUIO (Reuters) - O tcheco Tomas Berdych surpreendeu o cabeça-de-chave número dois Andy Roddick e venceu o norte-americano por 6-7, 7-5 e 7-6, o que o leva à final do Aberto do Japão contra o argentino Juan Martin Del Potro.

Del Potro, cabeça-de-chave número cinco e que venceu 29 de seus últimos 30 jogos, bateu o francês Richard Gasquet por 6-3, 4-6 e 7-5 para conquistar sua vaga na final do torneio de Tóquio, que vai distribuir 969.000 dólares em prêmios.

Roddick, um dos vários tenistas que ainda buscam uma vaga para a Maters Cup, que será disputado em Xangai e fecha a temporada, parecia ter o controle do jogo, até que mostrou fraqueza já no fim da partida contra Berdych.

"A chave foi tentar me manter o mais próximo dele possível", disse Berdych aos repórteres. "Mesmo quando estava perdendo por 5-3, era apenas uma quebra. Quando as chances apareceram para mim, eu fiz elas acontecerem."

"É frustrante", disse Roddick, que conquistou o 26o. título da carreira em Pequim, na semana passada. "Eu não sei como avaliar esta derrota. Você se sente tendo o jogo nas mãos, e então em um vacilo você perde o controle."

Del Potro, que recentemente ajudou a Argentina a chegar à final da Copa Davis, levou quase duas horas para bater Gasquet, o quarto pré-classificado, que perdeu a final deste torneio de Tóquio no ano passado.

"Os últimos três meses não foram normais", disse sorrindo Del Potro, que perdeu apenas uma vez em seus últimos 30 jogos, derrota sofrida para o britânico Andy Murray nas quartas-de-final do Aberto dos EUA.

"Eu sempre sigo trabalhando porque quero melhorar. Eu não quero relaxar."

Conquistar o quinto título no ano deixaria Del Potro na oitava posição do ranking ao longo do ano e próximo de conquistar uma vaga na prestigiada Masters Cup, que será disputada no próximo mês.

Rafael Nadal, Roger Federer, Novak Djokovic e Andy Murray já estão garantidos entre os oito tenistas que estarão em Xangai.

 
<p>O tcheco Tomas Berdych (D) cumprimenta Andy Roddick, dos EUA, ap&oacute;s vencer a semifinal no Aberto do Jap&atilde;o neste s&aacute;bado. REUTERS/Kim Kyung-Hoon (JAPAN)</p>