Clubes ingleses correm risco de perder a identidade, diz Platini

quarta-feira, 8 de outubro de 2008 20:52 BRT
 

Por Simon Hart

LIVERPOOL (Reuters) - O presidente da Uefa, Michel Platini, alertou na quarta-feira que os clubes ingleses correm o risco de perder suas identidades por causa da influência de proprietários estrangeiros no futebol do país.

"Você quer no Liverpool um xeique árabe como presidente, um técnico brasileiro e nove ou onze jogadores africanos?", disse Platini em uma entrevista coletiva. "Onde está o Liverpool nisso? Temos que criar algumas regras".

Nove dos 20 grandes clubes no futebol inglês possuem proprietários estrangeiros e o presidente da Associação Inglesa de Futebol, Lord Triesman, falou nessa semana sobre a necessidade de testes mais rigorosos para os possíveis compradores.

Platini disse que a questão dos proprietários estrangeiros --alguns dos quais assumiram seus clubes com dívidas gigantes --é um assunto para o governo britânico, mas acrescentou que a Uefa estava procurando maneiras de introduzir um regulamento para toda a Europa.

Falando antes de sua introdução no hall da fama europeu do museu inglês do futebol, Platini afirmou: "Do meu ponto de vista, é uma lei inglesa, e depende do parlamento".

"O que é o futebol? O futebol é um jogo e o jogo se tornou popular por causa da identidade".

"Você tem que ter identidade, aí mora a popularidade do futebol. Se você trouxer pessoas do Catar e não há ninguém de Liverpool ou de Manchester no campo ou na empresa, onde estão Liverpool e Manchester?

"Não acho que seja bom. Eu acho que os catarianos deveriam investir no Catar...eles deveriam desenvolver o futebol em cada país".   Continuação...