Ecclestone diz que Índia estréia na F1 em 2011

sexta-feira, 10 de outubro de 2008 11:24 BRT
 

ROMA (Reuters) - A Índia realizará, em 2011, pela primeira vez, um Grande Prêmio de Fórmula 1, afirmou nesta sexta-feira o chefe do setor comercial da categoria, Bernie Ecclestone.

"Temos a Índia e, neste momento, posso dizer que o Grande Prêmio será adicionado ao calendário em 2011", respondeu Ecclestone ao jornal italiano Gazzetta dello Sport, ao ser questionado sobre as pistas a serem usadas pela Fórmula 1 no futuro.

Suresh Kalmadi, presidente da Associação Olímpica Indiana (IOA), anunciou no ano passado que 2010 era uma excelente data para a inclusão do país. Mas Ecclestone sugeriu duas semanas atrás que algum tipo de atraso ocorreria. Naquele momento, em Cingapura, o dirigente afirmou a repórteres que "2011 é o que eu quero."

Segundo o britânico, havia também "duas ou três opções" na Rússia.

"A primeira é Moscou, claro. Mas não chegou o momento ainda de pensarmos a respeito de uma data", acrescentou.

Abu Dhabi será a única novidade no calendário de 18 corridas para 2009, depois de Cingapura e Valência terem estreado nesta temporada. Pela primeira vez em 50 anos, a América do Norte ficou sem receber nenhum Grande Prêmio, após o Canadá ter sido eliminado.

"Os EUA funcionam de uma forma diferente", disse Ecclestone. "Certos eventos mundiais, como a Fórmula 1 em alguns países e os Jogos Olímpicos, são custeados pelo governo."

"Nos EUA, eles são organizados por entidades particulares que desejam lucrar mesmo antes de a corrida ter sido realizada. Isso é demais."

(Reportagem de Paul Virgo)