Ron Dennis rebate críticas de Kubica a Hamilton

sábado, 11 de outubro de 2008 14:00 BRT
 

Por Alastair Himmer

FUJI (Reuters)

O chefe da McLaren, Ron Dennis, refutou neste sábado as sugestões de que seu pupilo Lewis Hamilton, líder do campeonato, seja um piloto perigoso.

Robert Kubica, da BMW-Sauber, teria dito a jornais britânicos que Hamilton é "agressivo demais", e o polonês ainda teria falado que espera que Felipe Massa, da Ferrari, vença a briga pelo título da temporada.

"Eu acho que ele (Kubica) deve se preocupar com sua própria pilotagem", afirmou Dennis depois que Hamilton conquistou a pole position para o GP do Japão, a sexta pole do ano do piloto e a 12 de sua carreira.

"Ele deveria deixar esse assunto para aquelas pessoas cuja responsabilidade é determinar o quanto a performance de um piloto é boa ou ruim."

"Eu compartilho da opinião de, provavelmente, todos nessa sala e da maioria das pessoas que circulam pelo pitlane que é revigorante ter um piloto tão talentoso e que é capaz de fazer uma ultrapassagem e conquistar uma pole position da maneira que ele conquistou no que é apenas sua segunda temporada na Fórmula 1."

Kubica foi citado como tendo dito que Hamilton deveria ter sido punido por pilotar perigosamente no GP da Itália, no mês passado, quando o britânico saiu de uma 15a colocação para terminar em sétimo.

O piloto polonês, amigo e rival de Hamilton de longa data desde os tempos de kart, várias vezes acusou o piloto da McLaren de ter cortado Timo Glock, da Toyota, e Fernando Alonso, da Renault, durante a prova em Monza.   Continuação...