Federer vence Del Potro e reencontra Murray no Masters de Madri

sexta-feira, 17 de outubro de 2008 15:45 BRT
 

Por Ben Harding

MADRI (Reuters) - Depois de eliminar o argentino Juan Martin del Potro por 6-3 e 6-3 nas quartas-de-final do Masters de Madri, nesta sexta-feira, o tenista Roger Federer terá pela frente uma reedição da final do último Aberto dos Estados Unidos, contra o britânico Andy Murray.

O suíço, número 2 do mundo, quebrou agressivamente o serviço do argentino de 20 anos na partida em Madri, ditando seu ritmo e o forçando a cometer erros, em seu caminho para a semifinal.

"Ele é o melhor jogador do mundo. Ele não te dá nenhuma chance", disse Del Potro, nono colocado do ranking mundial, depois da partida.

"Eu precisarei de um pouco de tempo para conseguir chegar ao próximo nível", acrescentou o argentino, que já ganhou quatro títulos da ATP neste ano.

Murray, por sua vez, mostrou por que pode estar entre os que têm condições de desafiar a ordem estabelecida no topo dos rankings, jogando uma das melhores partidas da temporada e superando o francês Gael Monfils por 6-2 e 6-2.

O britânico de 21 anos estava cheio de energia e mostrou apenas um pequeno sinal do desconforto no joelho que o havia incomodado um dia antes.

Murray afirmou que estava mais bem preparado para enfrentar Federer do que na derrota em Nova York, em setembro.

"Jogar contra Federer é sempre um grande desafio. Eu já joguei bem contra ele no passado, sem contar no Aberto dos EUA. Eu definitivamente estarei mais relaxado amanhã", disse.

Federer, o ex-número um do mundo, afirmou: "Murray é um bom estrategista e terá um plano de jogo apropriado. Ele me fará trabalhar".

 
<p>Roger Federer, da Su&iacute;&ccedil;a, gesticula durante partida contra o argentino Del Potro no Masters de Madri. REUTERS/Susana Vera</p>