Nelsinho reclama da falta de sorte no treino classificatório

sábado, 1 de novembro de 2008 19:45 BRST
 

Por Tatiana Ramil

SÃO PAULO (Reuters) - Nelsinho Piquet ficou muito perto de conseguir avançar para a última parte do treino classificatório deste sábado para o Grande Prêmio do Brasil e citou a falta de sorte pela 11a posição no grid de largada.

Na segunda parte do treino, Nelsinho, da Renault, fez o tempo de 1min12s137, ficando atrás de Jarno Trulli, com 1min12s107, que acabou indo para a fase final do treino e ficou na segunda colocação do grid, somente atrás de Felipe Massa, da Ferrari.

"O carro estava bom, mas faltou sorte. Faltou pouco para a classificação para o Q3 (terceira etapa do treino), acho que dava para ficar entre os seis primeiros", disse Nelsinho no circuito de Interlagos.

Ainda sem definição sobre se estará na Fórmula 1 em 2009, o brasileiro busca encerrar sua temporada de estréia na categoria em 10o lugar. Ele está três pontos atrás do alemão Timo Glock, da Toyota, atualmente o 10o colocado na classificação geral e que largará logo à frente de Nelsinho na corrida de domingo.

"Vou ter que fazer uma corrida bem melhor que o Glock para terminar em 10o (na classificação geral do campeonato)", disse o brasileiro.

"Preciso me concentrar na prova e farei de tudo para marcar pontos", acrescentou ele.