Operários retomam obra de novo estádio da Copa na África do Sul

quarta-feira, 5 de novembro de 2008 11:20 BRST
 

CIDADE DO CABO, África do Sul (Reuters) - Trabalhadores encerraram a greve nas obras do novo estádio da Cidade do Cabo para a Copa do Mundo e a construção será finalizada dentro do prazo, disse um porta-voz da cidade nesta quarta-feira.

Trabalhadores que largaram as ferramentas na sexta-feira em uma disputa pelo pagamento de bônus retornaram ao trabalho, afirmou o porta-voz Pieter Cronje.

"Nós vamos entregar dentro do prazo e estaremos prontos para manter a ordem em 14 de dezembro do próximo ano", disse ele. "Os trabalhadores estão de volta e conversações sobre a disputa continuam".

Na última semana, a prefeita da cidade, Helen Zille, disse que o novo estádio, com capacidade para 55 mil pessoas, estava dentro do cronograma e que as preparações da cidade para a Copa estão bem organizadas.

No entanto, a visita do presidente da África do Sul, Kgalema Motlanthe, às obras, marcada para este sábado, foi adiada sem definição de prazo.

Outros conflitos trabalhistas em 10 obras para a Copa do Mundo de 2010 na África do Sul também já foram registrados.

(Reportagem de Mark Gleeson)

 
<p>Trabalhadores encerraram a greve nas obras do novo est&aacute;dio da Cidade do Cabo para a Copa do Mundo e a constru&ccedil;&atilde;o ser&aacute; finalizada dentro do prazo, disse um porta-voz da cidade nesta quarta-feira. REUTERS/Mike Hutchings</p>