Hamilton é homenageado em sede da McLaren na Inglaterra

quarta-feira, 5 de novembro de 2008 15:55 BRST
 

Por Mitch Phillips

WOKING, Inglaterra (Reuters) - O piloto inglês Lewis Hamilton, recém-coroado campeão da Fórmula 1, retornou nesta quarta-feira à sede da McLaren e prometeu aos funcionários da equipe que continuará na escuderia pelas próximas temporadas.

A fábrica da McLaren, que fica a 32 quilômetros de Londres, parou para aclamar Hamilton, que entrou no local dirigindo o carro usado na emocionante final do campeonato mundial, no último fim de semana, no Grande Prêmio do Brasil.

O campeão mais jovem da Fórmula 1 foi cegado por um mar de flashes de câmeras quando subiu em uma plataforma repleta com os troféus acumulados em suas duas temporadas na categoria -- 22 chegadas de pódio em 35 corridas.

Mais de 1.000 empregados, muitos deles com as roupas laranjas da escuderia e outros chorando de emoção, vibraram enquanto Hamilton fazia seus agradecimentos.

"Olho para trás e me lembro de quando tinha 13 anos e quando visitei a fábrica antiga. Depois, vejo tudo que aconteceu desde então, e agora aqui estamos -- campeões do mundo", afirmou o piloto.

"Tenho visto muitos de vocês há anos, e saber que sou parte desta equipe e que posso fazer tantas pessoas tão felizes me deixa lisonjeado".

Ele contou sobre quando tocava os carros dos ex-campeões mundiais Ayrton Senna e Mika Hakkinen, imaginando como seria dirigi-los um dia.

"Agora posso ter meu carro aqui, um carro que graças a vocês nunca parou comigo, com o número um nele, e isso me deixa mais orgulhoso do que nunca", afirmou.   Continuação...