Adriano volta à Inter de olho em reconciliação com Mourinho

sexta-feira, 21 de novembro de 2008 09:30 BRST
 

ROME (Reuters) - O atacante da Inter de Milão Adriano está confiante que sairá do livro negro do técnico José Mourinho a tempo da grande partida contra a Juventus, no sábado, mas também avisou que poderá deixar o clube caso não volte a jogar regularmente.

Mourinho tirou Adriano do time titular por quatro jogos devido à indisciplina do jogador. O brasileiro também ficou fora da vitória de 2 x 0 contra o Palermo, na semana passada, devido a uma gripe.

"Houve um problema e ele decidiu me deixar de fora por quatro jogos. Mas eu volto no sábado, há uma partida importante contra a Juve", disse Adriano, segundo o jornal Gazzetta dello sport.

"Espero ter continuidade na Inter. Naturalmente, se não conseguir, vou para outro time", acrescentou o atacante, que participou da goleada da seleção brasileira por 6 x 2 contra Portugal, na quarta-feira, em Brasília, inclusive tendo marcado o último gol.

A Inter estará sem o zagueiro Ivan Córdoba, que está suspenso.

(Reportagem de Paul Virgo)

 
<p>Atacante Adriano comemora gol marcado no amistoso Brasil x Portugal, em Bras&iacute;lia. REUTERS/Bruno Domingos</p>