Manchester United assume liderança; Chelsea bate o Stoke City

sábado, 17 de janeiro de 2009 17:37 BRST
 

Por Martyn Herman

O Manchester United assumiu a liderança do Campeonato Inglês neste sábado graças ao gol, no último minuto, do atacante Dimitar Berbatov, que garantiu a vitória por 1 x 0 sobre o Bolton Wanderers.

Em um dia de gols tardios, o Chelsea respirou aliviado com o gol do meio-campista Frank Lampard já nos acréscimos para derrotar o Stoke City em Stamford Bridge, depois que o brasileiro Belletti empatou para os azuis aos 43 minutos do segundo tempo.

O time do técnico brasileiro Luiz Felipe Scolari, que descobriu no início do dia que o meia-atacante Joe Cole ficará fora do restante da temporada devido a uma grave contusão no joelho, permanece em terceiro, à frente do Aston Villa, que venceu de virada o Sunderland por 2 x 1, apesar de ter tido o atacante Ashley Young expulso.

Pela segunda vez na semana, o Manchester United conquistou preciosos três pontos. Na quarta-feira, a equipe bateu o Wigan Athletic por 1 x 0. Assim, o time de Alex Ferguson chegou a 10 partidas sem derrotas no Campeonato Inglês, igualando o recorde do Chelsea.

O Manchester, que jogou sem o atacante Wayne Rooney, o qual se machucou depois de marcar o gol da vitória contra o Wigan, parecia frustrado com a defesa imposta pelo Bolton.

Entretanto, o time conquistou a sua sétima vitória por 1 x 0 da temporada quando o atacante argentino Carlos Tevez, que estava prestes a ser substituído, preparou para Berbatov marcar de cabeça o gol da vitória.

O Manchester tem 47 pontos em 21 jogos, um a mais que o Liverpool, que pode voltar ao topo da tabela se vencer o Everton na segunda-feira. O Chelsea tem 45 pontos em 22 partidas, e o Villa tem 44.

Quinto colocado, o Arsenal tem de bater o Hull City fora de casa, ainda neste sábado, para continuar na disputa pelo troféu da competição.   Continuação...

 
<p>O atacante Berbatov, do Manchester United, comemora ap&oacute;s marcar gol, no &uacute;ltimo minuto, que garantiu a vit&oacute;ria contra sobre o Bolton Wanderers e a lideran&ccedil;a do Campeonato Ingl&ecirc;s. REUTERS/Phil Noble</p>