Real não deve contratar mais em janeiro, diz presidente

domingo, 18 de janeiro de 2009 14:21 BRST
 

MADRI (Reuters) - O Real Madrid não deve comprar mais nenhum jogador no período de transferência de janeiro, teria dito o novo presidente do clube, Vicente Boluda, neste domingo.

Boluda assumiu o time campeão da liga espanhola na sexta-feira, quando Ramon Calderón foi forçado a sair depois que o diário esportivo Marca publicou alegações de irregularidades na assembléia geral do clube no mês passado.

Em sua primeira entrevista como presidente, Boluda disse ao Marca que o Real provavelmente não comprará mais nenhum jogador este mês após as contratações de Klaas Jan Huntelaar e Lassana Diarra.

"Neste mundo, é algo que não se pode descartar totalmente, mas a equipe está completa e não creio que contrataremos mais", disse o dirigente de 53 anos. "Temos um time bastante completo e equilibrado e vamos continuar assim até o fim."

Boluda ainda declarou ao jornal não estar ciente de qualquer acordo para trazer Cristiano Ronaldo do Manchester United para o Real Madrid.

O Real corteja o Jogador do Ano da Fifa de 2008 há algum tempo, e um relato recente disse que um acordo secreto está em andamento para contratá-lo no final desta temporada. Ronaldo negou a existência de qualquer acordo.

"Não sei", disse Boluda quando indagado sobre o suposto trato. "Não vi nada, nem contratos nem coisa alguma."

Boluda disse que o técnico do Real, Juande Ramos, contratado no mês passado por seis meses para substituir Bernd Schuster, provavelmente ampliará sua estadia com o clube se conquistar um título.

Indagado sobre seu próprio futuro, Boluda disse que pretende permanecer em seu novo posto até meados de junho, quando novas eleições presidenciais serão convocadas.   Continuação...

 
<p>Vicente Boluda, novo presidente do Real Madrid, afirma que o clube n&atilde;o deve contatar mais nenhum jogador em janeiro. REUTERS/Sergio Perez</p>