Robinho faz as malas e abandona concentração do City na Espanha

terça-feira, 20 de janeiro de 2009 12:35 BRST
 

Por Mitch Phillips

LONDRES (Reuters) - Robinho abandonou a concentração do Manchester City em Tenerife, na Espanha, pouco depois de fracassar a tentativa do time inglês de contratar Kaká, do Milan.

Robinho fez as malas e foi embora de Tenerife. A mídia britânica diz que ele voltou ao Brasil depois de uma briga com o técnico do City, Mark Hughes.

"Sei que Robinho não está no centro de treinamento em Tenerife... É uma violação da disciplina do clube e eu estou esperando uma prestação de contas", disse Garry Cook, diretor-executivo do City, à BBC.

Robinho fez 12 gols desde que se transferiu do Real Madrid ao Manchester City por 32 milhões de libras (44,95 milhões de dólares), no último dia da janela de transferência do ano passado. A transação foi uma mostra do poder de fogo do clube após o City ser adquirido pelo Abu Dhabi United Group.

O ex-jogador do Santos estaria frustrado com o fraco desempenho do Manchester City dentro de campo, assim como o fraco progresso do clube no mercado de transferências. Até agora, somente o lateral Wayne Bridge e o atacante Craig Bellamy foram contratados para reforçar a equipe nesta janela de transferências.

Apesar dos reveses, a direção do Manchester City promete manter-se ambiciosa.

"Temos plano claros, não vamos parar", disse Cook.

"Este time merece bons jogadores e os fãs merecem bons jogadores; vamos continuar neste caminho. Estamos construindo um futuro".