Indonésia surpreende e anuncia interesse em sediar Copa do Mundo

quarta-feira, 28 de janeiro de 2009 15:39 BRST
 

Por Mark Ledsom

BERNA, Suíça (Reuters) - A Indonésia, de forma surpreendente, manifestou interesse em sediar a Copa do Mundo de 2018 ou 2022, informou a Fifa nesta quarta-feira.

A proposta da federação da Indonésia é uma das seis que já foram recebidas pela Fifa até o prazo de segunda-feira, disse um porta-voz da Fifa. Inglaterra, Japão, Catar, Rússia e uma parceria entre Espanha e Portugal são os outros interessados em receber um Mundial.

Alguns outros países, incluindo Austrália, China, México, além da Holanda e Bélgica em parceria, anunciaram para a mídia local que deveriam entrar na disputa antes do término do prazo.

Nugraha Besoes, secretário-geral da federação de futebol da Indonésia, disse que o longo tempo que falta para a Copa do Mundo de 2022 iria ajudar as chances do país de lançar uma proposta séria.

"Nós podemos ver que isso é para daqui 13 anos, então porque não podemos lutar para tentar sediar esse evento?", disse ele.

A Fifa decidiu em 2007 adaptar sua política de rotação continental para as sedes dos Mundiais, anunciando que as futuras Copas não podem acontecer em continentes que já sediaram um das duas Copas anteriores.

Se a manifestação de interesse da Indonésia evoluir para um proposta, ela pode estar em competição direta com os parceiros da confederação de futebol asiática Japão e Austrália.

Uma batalha similar é esperada na Europa se a Inglaterra, Rússia, Espanha/Portugal e Holanda/Bélgica confirmarem seus interesses.

A Fifa deve anunciar as duas sedes para os torneios de 2018 e 2022 em dezembro de 2010.

(Reportagem adicional de Olivia Rondonuwu)