Serena e Safina farão final do Aberto da Austrália

quinta-feira, 29 de janeiro de 2009 09:17 BRST
 

Por Ossian Shine

MELBOURNE (Reuters) - Serena Williams quebrou na quinta-feira uma invencibilidade de 15 jogos da russa Elena Dementieva e passou pela quarta vez à final do Aberto da Austrália.

"Partida perfeita para mim? Ah, não, não, não. Mas foi definitivamente melhor", sorriu a norte-americana, segunda cabeça-de-chave do torneio, após a vitória por 6-3 e 6-4.

Na outra semifinal, a também russa Dinara Safina bateu a compatriota Vera Zvonareva e será a rival de Williams, que já ganhou três vezes o Aberto da Austrália.

Dementieva, quarta cabeça-de-chave, estava invicta neste ano, mas não foi páreo para Williams na quadra central, coberta pela organização para proteger as tenistas do calor.

Os meteorologistas prevêem que esta chegará a ser a semana mais quente em um século em Melbourne, onde todos os dias os termômetros têm ultrapassado os 40 graus Celsius.

Mas, apesar do forte calor, Williams manteve a frieza e atropelou uma adversária que vencera os três duelos anteriores entre ambas.

"Definitivamente saquei melhor", disse Williams. "É importante sacar bem contra ela. Ela realmente faz boas devoluções. Eu me desloquei melhor, fui definitivamente mais consistente e mantive minha frieza."

Uma vitória sobre Safina no sábado levará Williams de volta ao topo do ranking mundial, o que, no entanto, é secundário para ela.   Continuação...

 
<p>Dinara Safina enfrentar&aacute; Serena Williams na final do aberto da Austr&aacute;lia REUTERS/Tim Wimborne (AUSTRALIA)</p>