Aliviado e exausto, Nadal comemora vitória após duelo de 5 horas

sexta-feira, 30 de janeiro de 2009 17:03 BRST
 

Por Julian Linden

MELBOURNE (Reuters) - O instante de êxtase de Rafael Nadal logo após a vitória épica na semifinal do Aberto da Austrália contra Fernando Verdasco durou pouco.

O número 1 do mundo era só sorrisos ao abraçar o também espanhol Verdasco, após vencê-lo por 6-7, 6-4, 7-6, 6-7 e 6-4, nesta sexta-feira, na partida mais longa da história do Aberto da Austrália.

"O jogo de hoje foi um daqueles que irá ser lembrado por um bom tempo", disse Nadal. "A emoção foi grande, na última jogada eu quase chorei. Havia muita tensão".

"Verdasco estava jogando inacreditavelmente... mas eu estava muito bem mentalmente o tempo todo, acreditando na vitória e bem focado".

"É maravilhoso para mim estar nesta final, especialmente depois de um jogo como esse", acrescentou.

O alívio e celebração iniciais de Nadal por estar em sua primeira final no Melbourne Park rapidamente deram lugar à preocupação sobre o desgaste físico da partida.

Ele enfrentará seu grande rival Roger Federer na final de domingo, sabendo que terá de jogar até mesmo melhor do que contra Verdasco para bater o suíço, que teve um dia a mais para se recuperar após vencer seu jogo na semifinal por 3 sets a 0.

Nadal venceu Federer nas últimas três finais do Aberto da França, e também derrotou o suíço na final de Wimbledon do ano passado, em um dos melhores jogos dos últimos anos, mas esta será sua primeira final de Grand Slam em piso duro.   Continuação...

 
<p>Espanh&oacute;is Nadal e Verdasco deixam a quadra ap&oacute;s semifinal do Aberto da Austr&aacute;lia, em Melbourne, nesta sexta-feira. REUTERS/Darren Whiteside</p>