Turquia pode deixar de realizar GP de F1 depois de 2011

domingo, 8 de fevereiro de 2009 14:53 BRST
 

LONDRES (Reuters) - A Turquia pode desaparecer do calendário da Fórmula 1 após 2011, em razão da acirrada competição com outras cidades com potencial para receber um Grande Prêmio, disse neste domingo o principal administrador do circuito de Istambul.

"Nós estamos preocupados com o fato de que 2011 pode ser o último ano em que teremos Fórmula 1 em Istambul". disse Can Guclu, diretor-geral do circuito de Istambul, em reportagem veiculada no website do jornal Today's Zamam (www.todayszaman.com).

Ele acrescentou: "Há muitos rivais de peso, em países como África do Sul, Rússia, Bulgária e Coréia do Sul."

"Se quisermos que o Grande Prêmio da Turquia continue no calendário, nós precisamos começar a trabalhar imediatamente. Isso porque não podemos negociar uma extensão no último dia do contrato."

É esperado que o GP da Coréia do Sul seja disputado pela primeira vez no ano que vem, com a entrada da índia programada para 2011. Também há uma demanda forte das equipes e dos patrocinadores para que o circo da F-1 volte à América do Norte, depois do cancelamento dos Grandes Prêmios dos EUA e do Canadá.

A Turquia é um dos países que entraram recentemente no calendário da Fórmula 1, e seu circuito de Istambul, sem ondulações e corrido no sentido anti-horário, recebe elogios dos pilotos desde sua estréia em 2005.

O brasileiro Felipe Massa, da Ferrari, venceu as últimas três corridas disputadas lá.