Hamilton critica novas regas da F1

sexta-feira, 20 de março de 2009 11:19 BRT
 

Por Alan Baldwin

LONDRES (Reuters) - O atual campeão mundial de Fórmula 1, Lewis Hamilton, criticou nesta sexta-feira as recentes mudanças nas regras da categoria e afirmou que não vê como elas melhorariam o esporte para o público.

"Acho uma pena o que está acontecendo com a Fórmula 1", disse o britânico de 24 anos, em nota divulgada por sua equipe, a McLaren.

"É difícil acreditar que essas recentes decisões irão melhorar as coisas para os espectadores nas pistas e pela TV, que deveriam sempre ser nossa prioridade número um, mas acho que teremos de esperar para ver."

A Federação Internacional do Automobilismo (FIA) anunciou na terça-feira que o campeão da temporada de 2009, que começa na semana que vem na Austrália, será o piloto que obtiver mais vitórias, independentemente da pontuação conquistada com outros resultados.

"Qualquer que seja o sistema de pontuação, sei que todos os pilotos da Fórmula 1 irão sempre correr com o coração", afirmou Hamilton, campeão no ano passado por uma margem de apenas 1 ponto sobre o brasileiro Felipe Massa, da Ferrari. Pelo novo sistema, o campeão seria Massa, que teve uma vitória a mais.

A FIA também disse que daria às equipes a opção de competir com mais liberdade técnica em 2010, desde que aceitem limitar seus orçamentos anuais a 30 milhões de libras (43,7 milhões de dólares). No ano passado, o orçamento de algumas equipes superou os 300 milhões de dólares.

A Associação das Equipes da Fórmula 1, dirigida pelo presidente da Ferrari, Luca di Montezemolo, e na qual a McLaren tem papel de destaque, havia apresentado uma outra proposta para reduzir os custos da categoria à metade em 2010, em comparação com 2008.

As equipes sugeriram também que a vitória fosse recompensada com 12 pontos, e não mais com 10.

Depois que a FIA rejeitou a proposta da Associação das Equipes, Montezemolo disse que as mudanças ameaçam "virar de ponta-cabeça a própria essência da Fórmula 1".

O heptacampeão Michael Schumacher, já aposentado, disse na quinta-feira em seu site que estava surpreso com as mudanças, e que não via sentido nelas.

 
<p>O atual campe&atilde;o mundial de F&oacute;rmula 1, Lewis Hamilton, criticou nesta sexta-feira as recentes mudan&ccedil;as nas regras da categoria e afirmou que n&atilde;o v&ecirc; como elas melhorariam o esporte para o p&uacute;blico. REUTERS/Gustau Nacarino</p>