Modo agressivo é a chave para vitória, diz Federer

quarta-feira, 25 de março de 2009 20:38 BRT
 

MIAMI (Reuters) - O tenista número dois do mundo, Roger Federer, disse que não vai analisar suas derrotas recentes para Rafael Nadal e Andy Murray e acredita que um jogo mais agressivo o trará de volta às vitórias.

Federer não conquista um título de Masters desde 2007 e perdeu seus últimos cinco jogos contra Nadal, inclusive a emocionante partida de cinco sets no Aberto da Austrália, no mês passado.

Após esta derrota, o suíço perdeu para Murray nas semifinais do torneio de Indian Wells na semana passada.

"Você pode analisar de uma grande maneira mas ao mesmo tempo isto acontece apenas algumas vezes. Claro que estou desapontado com a maneira com que o jogo terminou na Austrália e também em Indian Wells mas não é o fim do mundo", ele disse a repórteres no Aberto Sony Ericsson.

"Realmente não afeta minha mente muito porque eu vou até lá e tento jogar todo ponto o melhor que eu posso".

Federer, que inicia sua campanha em Miami contra o norte-americano Kevin Kim, disse ter apenas um caminho para derrotar Nadal.

"Tentei diferentes formas contra Rafa. Geralmente é um estilo mais agressivo de jogo que me faz derrotar Rafa, especialmente em quadras duras. Não tive muitas chances em quadras duras contra ele, tive muito mais em saibro", acrescentou.

"Em quadras duras tenho que jogar agressivamente contra ele. Não há nenhuma outra maneira. Já o derrotei bastante para saber", disse o tenista, de 27 anos.

Federer, que conquistou 13 títulos de grand slam, rejeitou a sugestão de que um problema nas costas estaria afetando seu rendimento nas quadras.

"As costas estão bem. Desejaria que estivessem melhores mas não estão me afetando quando estou jogando. Não é tão ruim", disse.

(Reportagem de Simon Evans)

 
<p>O tenista Roger Federer durante as semifinais do torneio de Indian Wells. 21/03/2009. REUTERS/Michael Fiala</p>