Sem Maicon,Inter é maior prejudicada na Itália por eliminatórias

quinta-feira, 2 de abril de 2009 12:24 BRT
 

Por Mark Meadows

MILÃO (Reuters) - O lateral-direito brasileiro Maicon, da Inter de Milão, foi a maior baixa imposta ao Campeonato Italiano em uma rodada de muitas contusões nas eliminatórias da Copa do Mundo de 2010, dada sua importância para os líderes da competição.

O jogador se lesionou no empate em 1 x 1 entre Brasil e Equador, no último domingo. Ele pode ficar de fora pelo resto da temporada, deixando o técnico José Mourinho com problemas para o jogo de domingo contra a Udinese e as demais rodadas.

"Maicon jogará a última partida do campeonato para celebrar o scudetto", disse Mourinho à TV italiana.

Sua equipe tem uma vantagem de sete pontos na liderança a nove rodadas do fim do torneio, mas terá de enfrentar a vice-líder Juventus, fora de casa, em 18 de abril, e Maicon deve fazer falta.

A boa estatura e as poderosas arrancadas fazem do brasileiro possivelmente um dos melhores jogadores de sua posição no mundo.

Zlatan Ibrahimovic ganhou as manchetes por seus 19 gols na Série A, mas Maicon criou muitas das chances do sueco e ainda ajudou bastante no desempenho defensivo da equipe de Milão.

O jovem lateral-esquerdo Davide Santon, promovido das categorias de base por Mourinho, pode ganhar uma chance na sua posição original, caso o meia Javier Zanetti não seja recuado.

Mas os problemas da Inter parecem pequenos se comparados aos da Udinese, que já liderou o torneio e agora amarga uma posição intermediária na tabela.   Continuação...