Após agressão, Pepe pode pegar suspensão severa

quarta-feira, 22 de abril de 2009 11:08 BRT
 

MADRI (Reuters) - O zagueiro Pepe, do Real Madrid, pode pegar uma longa suspensão após o árbitro ter detalhado na súmula a agressão do brasileiro naturalizado português contra dois jogadores do Getafe e o quarto árbitro numa partida do Campeonato Espanhol na terça-feira.

Com o placar empatado em 2 x 2 e com três minutos para o fim do jogo, no Santiago Bernabéu, Pepe empurrou Francisco Casquero, do Getafe, na área, e o árbitro marcou pênalti.

Pepe chutou Casquero no chão e deu um segundo golpe nas costas do jogador. Na confusão, o zagueiro agrediu outro jogador do Getafe, Juan Albin, com um soco no rosto.

Ele recebeu um cartão vermelho direto, mesmo já tendo um amarelo na partida, vencida pelo Real Madrid com um golaço de Gonzalo Higuaín nos acréscimos.

"O jogador do time da casa (Pepe) chutou o jogador que recebeu a falta e socou um oponente no rosto", informou o árbitro do jogo, Carlos Delgado Ferreiro, na súmula, acrescentando que Pepe agrediu verbalmente o quarto árbitro ao sair de campo.

Pepe também quebrou as regras ao voltar para o gramado para comemorar o gol de Higuaín, acrescentou Delgado.

Depois do jogo, o zagueiro pediu desculpas por seus atos, mas não jogará a partida contra o Sevilla, terceiro colocado do Campeonato Espanhol, no fim de semana. É quase certo também que ele estará suspenso no jogo contra o Barcelona, em Madri, daqui a cerca de dez dias.

A vitória do Real diminuiu a vantagem do Barça para três pontos no topo da tabela. O time catalão enfrentará o Sevilla, no Camp Nou, nesta quarta-feira.

Dependendo da decisão disciplinar, que deve ser divulgada nesta semana, Pepe pode ficar de fora dos seis jogos restantes do Real nesta temporada.

(Reportagem de Iain Rogers)

 
<p>Zagueiro Pepe do Real Madrid comemora gol contra o Real Mallorca. 11/01/2009. REUTERS/Dani Cardona</p>