Agente confirma interesse de grupo suíço em comprar a Roma

sábado, 23 de maio de 2009 16:44 BRT
 

ROMA (Reuters) - O agente de futebol Vinicio Fioranelli disse que o consórcio suíço que ele representa está entusiasmado com a possibilidade de comprar a Roma, mas as bases para o negócio continuam misteriosas.

A Roma, que disputa a primeira divisão do Campeonato Italiano e é de propriedade da companhia petrolífera Italpetroli e da família Sensi, perdeu uma vaga na lucrativa Liga dos Campeões para a próxima temporada e os torcedores exigiram que novos investimentos sejam feitos.

Fioranelli, entretanto, afirmou que a situação estava complicada.

"Nós temos a oportunidade de dar um passo à frente", disse Fioranelli aos repórteres na sexta-feira.

"Não é que não queiramos esclarecer, a situação se tornará clara quando estiver clara. Mas as coisas não estão claras neste momento."

A Roma disse em um comunicado na semana passada que estava ciente do interesse, mas que o grupo não havia mostrado fontes financeiras suficientes "para a manutenção e competitividade do clube".

Finalista na temporada passada do Campeonato Italiano, a Roma tem sido objeto de desejo por muitos anos do magnata do ramo farmacêutico Francesco Angelini, que disse no início do mês que queria comprar 60 ou 70 por cento das ações do clube.

O bilionário George Soros saiu das negociações no ano passado.

(Por Mark Meadows)