Decisão sobre Kaká sai na segunda-feira, diz Berlusconi

quarta-feira, 3 de junho de 2009 16:26 BRT
 

ROMA (Reuters) - Uma decisão sobre o futuro do meia Kaká no Milan será tomada na segunda-feira, disse o dono do clube, Silvio Berlusconi, nesta quarta-feira.

O Real Madrid e o Chelsea, agora comandado pelo ex-técnico do Milan Carlo Ancelotti, estariam interessados no brasileiro, de acordo com a imprensa, em acordo que poderia chegar a valor recorde.

"Conversarei com o Kaká na próxima segunda-feira e na segunda-feira poderei revelar a decisão", disse Berlusconi em gravação de um programa de televisão italiano.

"É cedo para pensar sobre o que acontecerá".

O Chelsea negou nesta quarta-feira ter feito uma oferta pelo jogador, que teria sido de 122 milhões de dólares, segundo a Sky Sports News.

"Nunca fizemos uma oferta ao Milan por Kaká e portanto nada nesse extraordinário nível", disse o clube britânico em comunicado em seu site na Internet. "Como consequência também não discutimos sobre salário com o jogador. Qualquer reportagem ao contrário é falsa".

Berlusconi, primeiro-ministro italiano, comparou a situação à venda do atacante ucraniano Andriy Shevchenko ao Chelsea, em 2006.

"Posso dizer somente que estávamos bem unidos ao Sheva", ele disse.

"Quando chegou uma oferta que não podíamos cobrir, porque eu tinha uma grande amizade com ele, fiz tudo que podia para convencê-lo mas no final deixei nas mãos dele".   Continuação...

 
<p>Kak&aacute; sorri durante treino da sele&ccedil;&atilde;o brasileira em Teres&oacute;polis nesta quarta-feira. REUTERS/Sergio Moraes</p>