Acabou a pressão em minha carreira, diz Federer

domingo, 7 de junho de 2009 15:01 BRT
 

Por Julien Pretot

PARIS (Reuters) - Roger Federer disse que nunca mais vai sentir nenhuma pressão em sua carreira depois de obter seu primeiro título em Roland Garros com uma vitória de 6-1, 7-6 e 6-4 sobre o sueco Robin Soderling neste domingo.

"Talvez seja a maior vitória de minha carreira", disse o suíço de 27 anos, que igualou o recorde de Pete Sampras de 14 grand slams e se tornou o sexto homem a vencer os quatro maiores torneios do esporte.

"Isso tira muito da pressão. Agora posso jogar em paz pelo resto da minha carreira."

"Ninguém nunca mais vai me dizer que não venci Roland Garros."

Número 2 do mundo, Federer recebeu o troféu de Andre Agassi, o único antes dele a vencer os quatro grand slams em todos os pisos.

"Ele me dar o troféu é demais, foi muito legal dele vir aqui este ano", disse Federer ao canal francês France 2.

"Ele me disse 'parece ser o teu destino, você merece'."

Federer agradeceu à plateia por seu apoio caloroso durante o torneio.   Continuação...