Pato e Pirlo ficam no Milan, diz Leonardo

quinta-feira, 11 de junho de 2009 12:39 BRT
 

ROMA (Reuters) - O atacante brasileiro Alexandre Pato e o meia italiano Andrea Pirlo não deixarão o Milan para se unir ao clube de seu ex-técnico Carlo Ancelotti, o Chelsea, informou o novo técnico do time da Série A italiana nesta quinta-feira.

"Eles não sairão do Milan", disse Leonardo, segundo o site do jornal La Gazzetta dello Sport.

"Os dois são muito importantes para o time. Eles são parte fundamental de um recente passado vitorioso, especialmente o Pirlo."

Os dois jogadores levantaram dúvidas quanto ao seus futuros esta semana, despertando o medo entre os torcedores do Milan de que a mudança do jogador brasileiro Kaká ao Real Madrid possa despertar um êxodo do time italiano.

Pato já disse que planeja conversar com Ancelotti antes de decidir sobre seu futuro.

O presidente-executivo do Milan, Adriano Galliani, também procurou assegurar aos torcedores do time que o brasileiro de 19 anos não está indo para lugar algum.

"Todos os grandes nomes irão 99,9 por cento (certamente) ficar", disse Galliani a jornalistas. "Pato, o melhor atacante de 19 anos no mundo, (ficará) 100 por cento."

Galliani reiterou que o Milan quer comprar o atacante Edin Dzeko, do VfL Wolfsburg, ainda que o clube alemão tenha dito que o bosniano não está à venda.

(Reportagem de Paul Virgo)

 
<p>Brasileiro Alexandre Pato em Recife. 08/06/2009. REUTERS/Sergio Moraes</p>