ENTREVISTA-Correndo em Le Mans, Bruno Senna pensa na F1

quinta-feira, 11 de junho de 2009 18:48 BRT
 

Por Alan Baldwin

LONDRES (Reuters) - Se as coisas tivessem acontecido de outra forma, Bruno Senna poderia estar se preparando para o próximo Grande Prêmio da Inglaterra de Fórmula 1 como companheiro de Jenson Button.

Em vez disso, o brasileiro estreia neste fim de semana nas 24 Horas de Le Mans, mas com a Fórmula 1 ainda na cabeça.

Com 25 anos, o sobrinho do tricampeão Ayrton Senna disse à Reuters nesta quinta-feira que sente ter toda a probabilidade de enfrentar Button, talvez já no campeonato do ano que vem.

"Tenho falado com algumas pessoas, há boas chances na Fórmula 1 no ano que vem, eu acho", falou por telefone do circuito de La Sarthe.

"O mercado vai estar um pouco mais aberto: alguns contratos acabam, algumas equipes querem entrar na Fórmula 1. De fato, deve ser um pouco mais estável do que foi neste ano."

Bruno Senna terminou a temporada passada como vice da GP2 e fez teste pela Honda. Ele era o principal nome para substituir Rubens Barrichello na equipe japonesa.

Chegou a ser publicado que Senna já tinha um contrato assinado, algo que ele nega. Mas tudo desabou quando a Honda saiu da categoria, em dezembro.

Quando Ross Brawn assumiu a equipe, foi Barrichello quem ganhou a vaga de companheiro de Button, que venceu seis das sete primeiras corridas deste ano.   Continuação...