13 de Junho de 2009 / às 18:33 / em 8 anos

Djokovic vence Rochus e chega à final em Halle

Por Karolos Grohmann

<p>S&eacute;rvio Novak Djokovic na semifinal do Aberto de Halle. 13/06/2009. REUTERS/Ina Fassbender</p>

HALLE, Alemanha (Reuters) - Novak Djokovic teve que trabalhar duro para vencer o belga Olivier Rochus por 7-6 e 6-4 e alcançar a final do torneio de Halle neste sábado.

O sérvio, número 4 do mundo, jogará a final com o alemão Tommy Haas, que venceu Philipp Kohlschreiber em três sets.

Djokovic, que lutou para se encontrar na grama durante toda a semana, abriu logo uma vantagem de 4-1 e então perdeu três set points quando o jogo estava em 5-4, mas conseguiu levar a decisão para o tiebreak.

Segundo cabeça-de-chave, Djokovic cometeu 21 erros não-forçados em quadra no primeiro set, mas se manteve no jogo, vencendo no quarto set point quando Rochus, número 136 do mundo, errou um backhand.

Rochus, que vem enfrentando problemas com uma contusão no ombro nos últimos dois anos e sofreu uma cirurgia no início deste ano, teve seu saque quebrado quando o jogo estava em 2-2 no segundo set, quando o jogo de base de Djokovic se mostrou seguro novamente.

O belga se recusou a entregar o jogo, no entanto, conquistando um break point em 4-3 antes de o sérvio de 22 anos sacar poderosamente para obter a vantagem em 5-3.

Djokovic sacou para vencer a partida dois games depois, em seu terceiro match point.

Haas, ex-número dois do mundo, também teve trabalho em sua semifinal contra Philipp Kohlschreiber, tendo que lutar para virar a partida, vencida com parciais de 2-6, 7-6 e 7-6.

Haas, hoje número 41 do mundo, chegou à sua primeira final em mais de dois anos depois de perder boa parte de 2008 por conta de uma contusão no ombro.

Kohlschreiber, número 24 do mundo, havia vencido Haas no torneio de Halle do ano passado no único confronto anterior entre os dois. Ele quebrou o saque de Haas por duas vezes no primeiro set e abriu 5-2, conseguindo então dois aces para fechar o set.

Os dois jogadores mantiveram seus serviços no segundo set e foram para o tiebreak, com Haas, de 31 anos, levando a melhor.

Haas virou novamente o jogo no terceiro set, quando perdia por 4-1 e depois 5-2, forçando um novo tiebreak, que venceu em seu terceiro match point com um ace.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below