África do Sul promete atacar o Brasil na semifinal

quinta-feira, 25 de junho de 2009 09:08 BRT
 

Por Mark Gleeson

JOHANESBURGO (Reuters) - A África do Sul prometeu tomar a iniciativa no jogo contra o Brasil nesta quinta-feira quando encontrará o pentacampeão do mundo na semifinal da Copa das Confederações em Johanesburgo (às 15h30, horário de Brasília).

O técnico Joel Santana, criticado por uma abordagem cautelosa nos três jogos de abertura, disse que procurará atacar contra os habilidosos brasileiros, que estão defendendo o título que ganharam na Alemanha quatro anos atrás.

"Você não pode apenas se retrair e se defender por 90 minutos contra o Brasil. Como posso dizer aos meus jogadores para fazer isto? Como posso dizer aos torcedores que iremos apenas nos defender? Nós podemos perder, isto é possível, mas iremos perder dando tudo de nós e fazendo o nosso melhor atacando o Brasil", ele disse a jornalistas.

O jogo opõe Santana ao técnico do Brasil, Dunga, que já foi seu jogador quando Santana era técnico do Vasco da Gama em 1987.

"Você não pode dizer que a África do Sul será um rival fácil. Eles estão nas semifinais e eles precisam de respeito", disse Dunga na véspera da partida no estádio Ellis Park.

O vencedor jogará com os Estados Unidos, que derrotaram a campeã europeia Espanha por 2 x 0 na primeira semifinal na quarta-feira em Bloemfontein.

A final será no Ellis Park no domingo (15h30, horário de Brasília).

 
<p>T&eacute;cnico da sele&ccedil;&atilde;o da &Aacute;frica do Sul, Joel Santana, em Bloemfontein. 20/06/2009. REUTERS/Siphiwe Sibeko</p>