AFA diz que jogo Argentina-Brasil deve ser em Rosário

quinta-feira, 23 de julho de 2009 19:39 BRT
 

BUENOS AIRES (Reuters) - O presidente da Associação de Futebol Argentino (AFA), Julio Grondona, disse nesta quinta-feira que é quase certo que a seleção argentina enfrente o Brasil no estádio do Rosário Central e não no River Plate pela eliminatória da Copa do Mundo da África do Sul em 2010.

A decisão final será tomada após uma segunda inspeção da Fifa no estádio do Rosário Central que ocorrerá dentro de alguns dias.

"Hoje a partida contra o Brasil será jogada no Rosário (Central)", disse Grondona, que também é vice-presidente da Fifa, em conversa com a emissora de rádio La Red.

O treinador da seleção, Diego Maradona, pediu recentemente para abandonar o estádio do River e jogar no do Boca Juniors ou no do Rosário "para colocar os rivais contra um arco, contra as arquibancadas".

Maradona, conhecido torcedor do Boca, aumentou sua rivalidade com os dirigentes do River ao criticar duramente o campo do jogo e a falta de pintura das arquibancadas do estádio Monumental.

Grondona, que esclareceu que foram os jogadores e não Maradona que pediram para mudar o local da partida, disse que a mudança de lugar dependerá da inspeção final da Fifa.

"Esperamos que em 15 dias tenhamos a confirmação da Fifa de que está tudo certo. Esta é a ideia de hoje, dentro de 15 dias não sei", acrescentou Grondona.

PRIMEIRO PASSO

A Fifa aprovou na segunda-feira o estádio do Central como alternativa ao estádio do River para jogar as partidas internacionais, apesar de que para habilitar o local, o clube deverá realizar várias reformas nos bancos dos suplentes, vestiários, acessos ao estádio e ampliar o setor destinado a jornalistas.

O estádio do Central tem capacidade para 41.654 pessoas, enquanto o do River Plate conta com 65.645 lugares.

(Reportagem de Luis Ampuero)

 
<p>O presidente da Associa&ccedil;&atilde;o de Futebol Argentino (AFA), Julio Grondona, disse nesta quinta-feira que &eacute; quase certo que a sele&ccedil;&atilde;o argentina enfrente o Brasil no est&aacute;dio do Ros&aacute;rio Central e n&atilde;o no River Plate pela eliminat&oacute;ria da Copa do Mundo da &Aacute;frica do Sul em 2010. REUTERS/Daniel Munoz (AUSTRALIA)</p>