30 de Julho de 2009 / às 17:02 / 8 anos atrás

Cielo conquista ouro com recorde mundial nos 100m livre em Roma

<p>C&eacute;sar Cielo comemora medalha de ouro e recorde mundial dos 100m livre conquistados no campeonato mundial de Roma 30/07/2009Laszlo Balogh</p>

ROMA (Reuters) - César Cielo conquistou a primeira medalha de ouro do Brasil no campeonato mundial de Roma ao bater o recorde mundial e vencer a final dos 100m livre nesta quinta-feira.

O brasileiro, campeão olímpico dos 50m na Olimpíada de Pequim, completou a prova com o recorde de 46s91, superando a marca do australiano Eamon Sullivan de 47s05, estabelecida nos Jogos Olímpicos.

O francês Alain Bernard, campeão olímpico e favorito da prova, ficou em segundo, à frente do compatriota Fredrick Bousquet na final do Mundial.

"É sensacional. Em dois anos da minha carreira eu dei um salto de um nadador que tentava alguma coisa para entrar para a história", disse Cielo, exausto, após a conquista.

"100m livre é a prova mais tradicional. Não tem coisa melhor... é um sonho sendo realizado", acrescentou o brasileiro, que desde antes da Olimpíada prometia brigar pelo recorde mundial.

Na sexta-feira, o nadador volta à piscina para disputar os 50m livre, com grandes chances de conquistar outra medalha.

"Ali, é você sozinho, mano a mano, sem ninguém para ajudar. Muita pressão", afirmou Cielo.

Antes do ouro de Cielo, o Brasil já havia subido ao pódio no Mundial de Roma com Felipe França, prata nos 50m peito, e Poliana Okimoto, bronze na maratona aquática de 5 km.

Entre os medalhistas dos 100m livre, Bernard foi o primeiro a quebrar a barreira dos 47 segundos, em abril, no campeonato francês, mas sua marca não foi homologada devido ao maiô fora dos padrões utilizado por ele. Nesta quinta-feira, ele chegou em 2o com a marca de 47s12.

O australiano Sullivan, que teve seu recorde batido por Cielo, não disputou o Mundial devido a uma virose, enquanto o campeão mundial de 2007, Filippo Magnini, foi eliminado nas semifinais.

Perguntado em coletiva de imprensa se poderia chegar a ser tão popular no Brasil como Kaká e Ronaldinho, Cielo disse: "Não preciso ser popular se eu tiver metade do dinheiro deles. Se o Real Madrid me quiser, eu faço isso".

Reportagem de Mark Meadows e Paul Virgo

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below