Hamilton se diz "honrado" por chance de correr com Schumacher

quinta-feira, 30 de julho de 2009 14:13 BRT
 

Por Mitch Phillips

LONDRES (Reuters) - O campeão mundial de Fórmula 1 Lewis Hamilton, da McLaren, disse nesta quinta-feira que seria uma "honra e um privilégio" correr contra Michael Schumacher, após o surpreendente anúncio do retorno do alemão ao esporte.

Schumacher, agora com 40 anos, se aposentou da F1 no final de 2006, mas deve voltar ao carro da Ferrari na corrida de Valencia, no mês que vem, para substituir o brasileiro Felipe Massa, que se recupera de um acidente.

Massa sofreu traumatismo craniano em acidente durante o treino classificatório para o GP da Hungria no fim de semana.

Hamilton tinha apenas nove anos quando Schumacher conquistou o primeiro de seus sete títulos mundiais, e começou sua carreira na F1 alguns meses após a aposentadoria do alemão.

"Estou animado pela possibilidade do retorno de Michael Schumacher à Fórmula 1, assumindo que isso vá acontecer, mas meus sentimentos continuam com Felipe e a família dele após o terrível acidente na Hungria", disse Hamilton em comunicado da equipe McLaren.

"Michael é um dos maiores competidores do esporte e uma lenda, e seria ótimo competir contra ele. O mundo todo estará assistindo seu retorno ao cockpit em Valencia. Não será apenas fascinante ver como ele se prepara para seu retorno, mas também uma honra e um privilégio correr contra ele pela primeira vez", afirmou.

 
<p>Piloto vencedor da McLaren de F&oacute;rmula 1 Lewis Hamilton no GP da Hungria. 26/07/2009. REUTERS/Karoly Arvai</p>