Shevchenko deixa o Chelsea e volta ao Dynamo de Kiev

domingo, 30 de agosto de 2009 15:30 BRT
 

Por Mykhailo Yelchev

KIEV (Reuters) - Shevchenko viu sua carreira dar um giro de 360 graus ao receber as boas vindas de seu antigo clube Dynamo de Kiev neste domingo, uma década após sua saída.

Shevchenko, de 32 anos, jogador mais famoso da Ucrânia e um dos maiores atacantes no mundo quando estava no auge, deixou para trás dois anos difíceis e disse aos repórteres em uma coletiva de imprensa: "Estou realmente muito feliz de voltar ao meu clube natal."

"Passei dez anos da minha vida em vários países europeus, joguei no Milan e no Chelsea, e chegou a hora de voltar."

Ele soube que poderia deixar o Chelsea na semana passada e logo se mexeu para garantir um contrato de dois anos com o Dynamo.

Eleito Jogador Ucraniano do Ano seis vezes, Shevchenko teve uma primeira passagem excepcional no Dynamo, marcando 60 gols em 116 partidas da liga local que lhe garantiram uma transferência para o Milan em 1999.

Ele marcou 127 gols em 226 partidas no Campeonato Italiano e foi eleito Jogador Europeu do Ano em 2004, após vencer a Liga dos Campeões com o Milan no ano anterior.

Mas ele nunca conseguiu repetir o desempenho no Chelsea, para onde foi na temporada 2007-2008, e ele passou a última temporada emprestado no Milan.

Shevchenko, que detém o recorde de 41 gols em 87 atuações pela seleção ucraniana, acredita que o Dynamo pode representar um desafio na Liga dos Campeões deste ano e volta para a casa de seu ex-clube italiano em outubro, quando seu time enfrenta a Inter de Milão na fase de grupos do torneio.   Continuação...

 
<p>Andriy Shevchenko, de 32 anos, jogador mais famoso da Ucr&acirc;nia viu sua carreira dar um giro de 360 graus ao receber as boas vindas do antigo clube Dynamo de Kiev. REUTERS/Toby Melville</p>