Imprensa argentina destaca superioridade do Brasil de Dunga

domingo, 6 de setembro de 2009 13:48 BRT
 

ROSÁRIO, Argentina (Reuters) - A imprensa argentina reconheceu que a disciplina tática e a contundência da equipe brasileira do técnico Dunga foram suficientes para vencer a seleção alviceleste de Diego Maradona, que agora vê comprometida a classificação para a Copa do Mundo de 2010.

O Brasil, que já garantiu sua presença no Mundial da África do Sul, aplicou um duro golpe nas pretensões argentinas ao vencer por 3 x 1, com um gol de Luisão e dois de Luís Fabiano. O gol da Argentina foi marcado por Jesús Dátolo.

"A Argentina se jogou da defesa para o ataque e o Brasil foi implacável," "Brasil nos deu uma lição de hierarquia e jogo coletivo: ele nos Mundial e nós na fogueira," "Argentina sucumbiu ao instinto assassino do Brasil" foram algumas das manchetes dos jornais argentinos.

"É preocupante porque a Argentina não tem jogado," disse em seu comentário na televisão Mario Kempes, conhecido como "El Matador," um dos principais jogadores da seleção argentina campeã do mundo em 1978.

Carlos Tevez, que correu mais que resolveu no ataque, reconheceu que a falta de atenção permitiu ao Brasil marcar os gols e que agora obrigam a Argentina a vencer na quarta-feira o Paraguai para seguir com esperanças de classificação.

"A equipe não jogou mal, mas eles foram mais efetivos," disse Tevez após a partida.

"O grupo está unido e vai superar essa derrota. Contra o Paraguai, o que nos resta é ganhar," acrescentou o atacante do Manchester City, da Inglaterra.

A derrota do Equador para a Colômbia e a do Uruguai para o Peru ajudaram a Argentina a manter o quarto lugar, atrás do líder Brasil, do Chile e do Paraguai.

Esses resultados fizeram com que várias equipes tenham possibilidades de brigar pela quarta posição ou pelo menos o quinto posto, que disputa uma vaga para o Mundial em partida disputada contra o quarto melhor time da Concacaf.

(Por Luis Ampuero)

 
<p>A imprensa argentina reconheceu que a disciplina t&aacute;tica e a contund&ecirc;ncia da equipe brasileira do t&eacute;cnico Dunga foram suficientes para vencer a sele&ccedil;&atilde;o alviceleste de Diego Maradona, que agora v&ecirc; comprometida a classifica&ccedil;&atilde;o para a Copa do Mundo de 2010. REUTERS/Marcos Brindicci (ARGENTINA SPORT SOCCER)</p>