Maradona pede ajuda a Deus para se classificar para Copa de 2010

terça-feira, 29 de setembro de 2009 17:36 BRT
 

BUENOS AIRES (Reuters) - O técnico Diego Maradona disse que aceitaria com prazer uma "ajuda divina" para que a seleção argentina se classifique para a Copa do Mundo da África do Sul em 2010, deixando de lado as declarações fortes e a imagem de segurança que havia mostrado nas últimas semanas.

A Argentina, que está na repescagem na eliminatória sul-americana, enfrentará o Peru e o Uruguai em outubro precisando ganhar para se classificar para o Mundial.

"O Barbudo (Deus) me salvou muitas vezes, espero que me salve desta vez também", disse Maradona em uma entrevista exclusiva para o Canal 3 da Argentina.

O ex-jogador, que levou a Argentina à vitória na Copa do México em 1986, expressou várias vezes que Deus salvou sua vida quando sua saúde esteve comprometida por seu vício em drogas e álcool em 2000 e 2001.

"Temos que enfiar na cabeça que estas duas partidas são fundamentais, que não podemos continuar dando presentes como fizemos contra o Brasil", disse Maradona sobre as derrotas para Brasil e Paraguai, ambos classificados para o Mundial.

Em suas últimas aparições diante da imprensa, Maradona havia usado um tom desafiante e seguro em meio às reclamações da imprensa e do público argentino pelo mau desempenho de sua equipe.

Depois de perder para o Paraguai, o técnico viajou à Itália para se submeter a uma dieta em um centro de repouso, onde, segundo contou a várias pessoas, lhe disseram que uma Copa sem a Argentina não seria a mesma.

"Franceses, italianos e alemães me diziam que um Mundial sem a Argentina não teria o mesmo sabor. Eu lhes respondi que fiquem tranquilos, que vai haver um Mundial com a Argentina", disse ele.

(Reportagem de Luis Ampuero)