Blatter crê que sediar Copa pode favorecer campanha Rio 2016

terça-feira, 29 de setembro de 2009 19:56 BRT
 

RIO (Reuters) - A ligação histórica entre Copa do Mundo e as Olimpíadas pode ser uma vantagem competitiva para o Rio de Janeiro na disputa para sediar os Jogos de 2016, afirmou nesta terça-feira o presidente da Fifa, Joseph Blatter.

"A história mostrou que existe um paralelismo entre os Jogos olímpicos e Copa do Mundo", afirmou Blatter a jornalistas após reunião do comitê executivo da entidade no Rio de Janeiro. "É uma boa combinação".

Ele lembrou que a Cidade do México sediou as Olimpíadas de 1968 e, dois anos depois, o país foi anfitrião de uma Copa do Mundo. Segundo ele, a sequência de eventos se repetiu com a Alemanha (1972 e 1974), os Estados Unidos (1994 e 1996), a Espanha (1982 e 1992) e a Coreia do Sul (1988 e 2002).

Blatter destacou que a candidatura brasileira aos Jogos de 2016 é a única que já tem um grande evento esportivo garantido --a Copa do Mundo de 2014-- antes do anúncio de sexta-feira pelo Comitê Olímpico Internacional (COI), em Copenhague.

O Rio de Janeiro concorre com Chicago (EUA), Madri (Espanha) e Tóquio (Japão).

O presidente da Fifa acrescentou que o legado da Copa também poderá ser aproveitado pelo Rio de Janeiro, caso a cidade seja a escolhida.

"A infraestrutura, como a logística, vai servir para os Jogos de 2016", afirmou.

VIOLÊNCIA

A violência no Rio foi minimizada por Blatter. Segundo ele, a criminalidade é um problema mundial.   Continuação...

 
<p>Presidente da Fifa, Joseph Blatter, cr&ecirc; que sediar Copa pode favorecer campanha Rio 2016. REUTERS/Sergio Moraes</p>