Barrichello garante que estará na F1 no ano que vem

quinta-feira, 1 de outubro de 2009 11:36 BRT
 

Por Alan Baldwin

SUZUKA, Japão (Reuters) - O piloto de Fórmula 1 Rubens Barrichello afirmou que está assegurado na categoria no ano que vem.

Ao ser perguntado no Grande Prêmio do Japão sobre sua perspectiva de continuar no esporte para sua 18a temporada, o brasileiro de 37 anos disse a repórteres: "100 por cento, ou 99,9 por cento, talvez seja melhor falar assim."

"Eu quero continuar pilotando no ano que vem em um carro competitivo e creio que estarei guiando um carro competitivo, mas por enquanto é tudo que posso dizer."

Barrichello é o segundo colocado do campeonato, com 15 pontos, atrás de seu companheiro de equipe na Brawn GP, Jenson Button, faltando três corridas para o fim do campeonato.

O brasileiro, que chegou ao recorde de 285 corridas desde a sua estreia em 1993, é o piloto mais velho do grid e temeu o fim de sua carreira há pouco menos de um ano quando a Honda anunciou que estava saindo da categoria.

Quando perguntado sobre relatos de que o brasileiro visitou recentemente a fábrica da Williams na Inglaterra, Barrichello disse que a situação está "justamente aberta".

"Estou em minha melhor forma, vencendo corridas e sendo comentado no paddock. Aumentei muito as minhas chances", afirmou.

"Você é tão bom quanto sua última corrida, é assim que vejo a Fórmula 1. E isso é uma boa demonstração para tudo na vida, de que se você é determinado e sonha você pode conseguir o que deseja."

Button garantirá o título em Suzuka se conseguir colocar mais 5 pontos sobre Barrichello, algo que fez somente duas vezes nas últimas 14 corridas, e o brasileiro diz ter somente um pensamento para a corrida.

"É vencer, vencer, vencer", enfatizou.

 
<p>O piloto Rubens Barrichello da Brawn GP verifica seu carro antes de treino para o GP de Suzuka. Barrichello afirmou que est&aacute; assegurado na categoria no ano que vem.01/10/2009.REUTERS/Kim Kyung-Hoon</p>