Massa não deve temer Alonso na Ferrari, diz Ecclestone

quinta-feira, 1 de outubro de 2009 12:28 BRT
 

Por Alan Baldwin

SUZUKA, Japão (Reuters) - Felipe Massa não tem nada a temer por causa da contratação de Fernando Alonso pela Ferrari, disse na quinta-feira o dirigente da Fórmula 1 Bernie Ecclestone.

"Se ele lidou com o Kimi (Raikkonen), poderá lidar com Fernando", disse o britânico à Reuters no Japão, cenário do GP de domingo próximo. "Eles são o mesmo tipo de piloto, não são? Acho que ele ficará bem."

Para Ecclestone, a transferência de Alonso é "boa para Fernando, boa para a Fórmula 1, boa para a Ferrari."

Em nota na quarta-feira, a Ferrari confirmou algo que todos já sabiam: que o espanhol bicampeão mundial assinou um contrato de três anos para substituir Raikkonen, cuja permanência na escuderia foi abreviada em um ano por comum acordo.

Massa está afastado das pistas desde o grave acidente que sofreu em julho na Hungria, mas sua recuperação está sendo positiva e ele deve voltar a correr em 2010. Em 2008, o brasileiro perdeu o título mundial para Lewis Hamilton por apenas um ponto.

Quando Raikkonen trocou a McLaren pela Ferrari, em 2007, muitos analistas esperavam que o finlandês relegaria Massa ao posto de segundo piloto, mas o brasileiro soube se impor e teve um melhor resultado que o colega no ano passado.

Massa, que é amigo do heptacampeão aposentado Michael Schumacher e tem como empresário o filho do ex-chefe da Ferrari Jean Todt, também é próximo do presidente da equipe italiana, Luca di Montezemolo, e se tornou um integrante respeitado e querido da equipe.

Ecclestone disse duvidar de que Alonso consiga moldar a equipe ao seu redor, a exemplo do que fez Schumacher, que reduziu o então colega Rubens Barrichello a um papel secundário.   Continuação...

 
<p>Pilto da Ferrari, Felipe Massa, se preparando para correr em pista de kart em S&atilde;o Paulo. Massa n&atilde;o deve temer Alonso na Ferrari, diz Ecclestone. REUTERS/Paulo Whitaker</p>