SAIBA MAIS-Como funciona a votação da sede da Olimpíada 2016

sexta-feira, 2 de outubro de 2009 06:57 BRT
 

Por Paul Radford

COPENHAGUE (Reuters) - O Comitê Olímpico Internacional (COI) anuncia nesta sexta-feira na capital dinamarquesa a cidade escolhida para sediar a Olimpíada de 2016 entre quatro candidatas: Chicago, Madri, Rio de Janeiro e Tóquio.

Como as cidades tentam impressionar o COI e vencer a eleição?

Cada cidade candidata tem 45 minutos para se apresentar para o COI, mais 15 minutos para perguntas e respostas no fim. A apresentação normalmente inclui vídeos e discursos de lideranças políticas e personalidades do esporte ou da cultura. A cidade de Chicago foi sorteada para fazer a primeira apresentação às 03h45 (horário de Brasília), seguida de Tóquio, Rio e Madri.

Por que há tantos figurões políticos na cidade?

Desde que o primeiro-ministro britânico Tony Blair persuadiu o COI a preterir a favorita Paris e escolher Londres para a Olimpíada de 2012 quatro anos atrás em Cingapura, a relevância de um político carismático passou a ser vista como fundamental pelas cidades candidatas. Dois anos atrás, o então presidente russo Vladimir Putin falou em um inglês surpreendentemente eloquente ao COI e ajudou Sochi a conquistar os Jogos de Inverno de 2014, outra surpresa. É por isso que Chicago deu o que espera ser uma cartada imbatível com a presença do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, e sua esposa, Michelle. Madri tem o rei Juan Carlos e o primeiro-ministro José Luis Zapatero. O Rio conta com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva Lula e Pelé, e Tóquio acionou seu novo premiê, Yukio Hatoyama.

Quem vota?

Todos os integrantes do COI, com certas exclusões, têm permissão de votar. Cerca de 115 membros são esperados em Copenhague. Muitos deles são pessoas com experiência em gestão no esporte ou ex-atletas, mas ainda há alguns membros da realeza. Nem todos os países no COI têm membros e os maiores países no âmbito esportivo, como EUA, Rússia e Alemanha, têm vários membros.

Quais são os excluídos?   Continuação...