Nuzman passa de chefe da candidatura a chefe do comitê Rio 2016

sábado, 3 de outubro de 2009 12:47 BRT
 

Por Karolos Grohmann

COPENHAGUE (Reuters) - Carlos Arthur Nuzman, comandante da bem-sucedida candidatura do Rio de Janeiro para sediar a Olimpíada de 2016, anunciou neste sábado que será o chefe do comitê organizador dos Jogos.

O Rio de Janeiro foi escolhido na sexta-feira pelo Comitê Olímpico Internacional (COI) como a primeira sede dos Jogos Olímpicos na América do Sul. Na campanha, a cidade brasileira derrotou as candidaturas de Madri, Tóquio e Chicago.

Nuzman, membro do Comitê Olímpico Internacional, disse que haverá uma transição suave entre a organização montada para a candidatura e o comitê organizador dos Jogos.

"Nós entregamos uma carta ao COI, com os três níveis de governo no Brasil se comprometendo, caso o Rio vencesse a disputa em 2 de outubro, que eu serei o chefe do comitê - e o secretário geral será Carlos Osório," disse ele a jornalistas.

Osório também foi o secretário geral da equipe que formatou a candidatura.

A candidatura do Rio igualou o recorde de 66 votos na terceira e última rodada eliminatória na sexta-feira, vencendo Madri, última oponente, que recebeu 32. Apenas Atenas, que também teve 66 votos na última rodada de 1997, que decidiu os Jogos de 2004, chegou a essa quantidade.

"Nós já tivemos o primeiro encontro com o COI. Eles nos disseram para relaxar," disse Nuzman. "Entraremos em um período de relaxamento e então o encerraremos com o primeiro encontro com o COI no Rio, que acontecerá em meados de novembro."

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva, figura-chave para a vitória da candidatura, disse após a votação de sexta-feira que os brasileiros terão de "dormir menos e trabalhar mais" para realizar uma Olimpíada de sucesso.   Continuação...

 
<p>O presidente Luiz In&aacute;cio Lula da Silva e o chefe da candidatura Rio 2016, Carlos Nuzman, participam de confer&ecirc;ncia em Copenhague. Carlos Arthur Nuzman, comandante da bem-sucedida candidatura do Rio de Janeiro para sediar a Olimp&iacute;ada de 2016, anunciou neste s&aacute;bado que ser&aacute; o chefe do comit&ecirc; organizador dos Jogos.02/10/2009.REUTERS/Pawel Kopczynski</p>