Escolha do COI para 2016 não foi motivada por dinheiro--Rogge

segunda-feira, 5 de outubro de 2009 15:49 BRT
 

Por Karolos Grohmann

COPENHAGUE (Reuters) - A decisão de eleger o Rio de Janeiro como sede da Olimpíada de 2016 não foi motivada por dinheiro, caso contrário o Comitê Olímpico Internacional (COI) teria escolhido Chicago, disse o presidente da entidade, Jacques Rogge, nesta segunda-feira.

"Está claro que o COI não pautou sua decisão pela cidade mais rica", disse Rogge, ao final de um congresso da entidade na capital dinamarquesa.

O Rio derrotou Madri na final da eleição de sexta-feira, após Chicago ter sido surpreendentemente eliminada na primeira rodada e Tóquio na segunda.

Chicago teve o apoio do presidente norte-americano, Barack Obama, que participou da apresentação final em Copenhague, mas conseguiu obter apenas 18 dos 94 votos.

Mas Rogge disse que, se a escolha do COI não teve motivação financeira, tampouco espera que seja uma operação deficitária.

"Mas vamos esperar e ver", disse.

O COI, entre 66 recomendações adotadas no congresso, decidiu criar um grupo de trabalho para fazer o melhor uso possível da tecnologia digital. já que tenta atrair espectadores mais jovens, disse Rogge.

O COI tem sido estimulado a rever seus acordos de transmissão, em grande parte com emissoras de televisão, pois usuários de Internet e telefone oferecem um grande, crescente e lucrativo mercado.   Continuação...

 
<p>Escolha do COI para 2016 n&atilde;o foi motivada por dinheiro, disse o presidente da entidade, Jacques Rogge. REUTERS/Keld Navntoft/Scanpix Denmark</p>