Barrichello aposta em melhor prova em casa para seguir no páreo

quinta-feira, 15 de outubro de 2009 14:45 BRT
 

Por Camila Moreira

SÃO PAULO (Reuters) - Rubens Barrichello terá que reverter um retrospecto de maus resultados em casa no Grande Prêmio do Brasil de domingo para desbancar seu companheiro de equipe e manter viva sua primeira chance real de ser campeão da Fórmula 1.

A retrospectiva do piloto da Brawn em Interlagos não é nada animadora, principalmente quando se leva em consideração que dessa vez ele precisa não só vencer, como também torcer para que seu companheiro Jenson Button não chegue ao pódio. Se terminar ao menos em terceiro, Button será o campeão com uma prova de antecipação.

"Tenho todas as possibilidades de fazer minha melhor corrida aqui e agora. Não vivo no passado, ligo para o que posso mudar," disse Barrichello a jornalistas nesta quinta-feira.

Em 16 corridas no Brasil, Barrichello abandonou 11 vezes e marcou pontos apenas em quatro ocasiões. Seu melhor resultado foi um terceiro lugar, em 2004, com a Ferrari.

Mas o piloto garante que o passado não tem lugar em seus pensamentos, ainda que saiba que sua performance não pode ser nada abaixo de brilhante para manter vivas as esperanças de ser o primeiro brasileiro campeão da F1 desde Ayrton Senna em 1991.

"Não acredito em azar. Tem uma frase entre os pilotos que diz 'quanto mais trabalho, mais sorte eu tenho'. Foram falhas humanas. Para mim, terminar com o carro sem combustível não é azar," afirmou, referindo-se à série de abandonos em Interlagos, notadamente em 2003, quando depois de largar da pole com a Ferrari ficou sem combustível quando liderava.

Barrichello, vice-líder do Mundial 14 pontos atrás de Button, fez questão de minimizar a disputa interna com seu companheiro de equipe, alegando que facilita o fato de o campeonato de construtores já estar praticamente definido a favor da Brawn. A escuderia precisa de apenas um ponto para se tornar a primeira equipe a levar o título em sua primeira temporada.

"A situação é um pouco mais confortável. Acredito que (o campeonato de) construtores deve resolver neste fim de semana. Ambos trabalhamos muito bem juntos pelo campeonato (de construtores). Com isso, no outro campeonato (pilotos) temos que lutar por nós mesmos, sendo que é a primeira vez que realmente tenho a chance de conquistar o título", disse Barrichello.   Continuação...

 
<p>Piloto brasileiro Rubens Barrichello aposta em melhor prova em casa para seguir no p&aacute;reo. REUTERS/Paulo Whitaker</p>