Damon Hill vê progressos na conversa para retorno de Silverstone

sábado, 31 de outubro de 2009 16:41 BRST
 

Por Alan Baldwin

ABU DHABI (Reuters) - Os proprietários de Silverstone estão fazendo o que podem para manter o Grande Prêmio da Inglaterra no calendário da Fórmula 1, disse no sábado o ex-campeão mundial Damon Hill.

"Está indo para frente, é tudo que posso dizer, disse o presidente do Clube Britânico de Pilotos de Corrida (BRDC, na sigla em inglês) à Reuters depois de negociações contratuais com Bernie Ecclestone, manda-chuva comercial da F-1, em Abu Dhabi, onde ocorre no domingo o grande prêmio que encerra a temporada de 2009.

"As coisas estão progredindo pouco a pouco, e espero que cheguemos a um ponto que não haja mais diferença e as duas partes possam se unir."

O BRDC é o dono de Silverstone, um campo de pousos da Segunda Guerra Mundial convertido em circuito que recebeu a primeira corrida oficial em 1950 e tinha perdido o posto de pista inglesa para Donington Park no ano que vem, que havia acertado um acordo de 17 anos.

As esperanças de Donington acabaram nesta semana quando os administradores da pista declararam quebra de contrato por não conseguirem levantar o dinheiro necessário para as melhorias no circuito que haviam prometido, o que colocou Silverstone em posição de negociação novamente.

O BRDC havia reclamado no passado contra os termos propostos por Ecclestone, em particular uma "cláusula de escalada" no contrato que previa o aumento anual nas taxas cobradas para realizar o evento.

Ecclestone havia deixado fora de consideração um acordo especial para Silverstone, já que ele tinha diversos circuitos desejando receber uma prova da F1 que ofereciam instalações muito mais luxuosas.