Liverpool empata e fica envolvido em polêmica de pênalti

terça-feira, 10 de novembro de 2009 11:18 BRST
 

LONDRES (Reuters) - Os furiosos dirigentes e jogadores do Birmingham City acusaram David Ngog, do Liverpool, de trapacear depois que o atacante ganhou um controverso pênalti no empate por 2 x 2 em Anfield Road na segunda-feira.

O Birmingham vencia por 2 x 1 faltando 20 minutos para o fim quando Ngog caiu depois de carrinho de Lee Carsley, do Birmingham. O replay da televisão mostrou que não houve contato entre os dois jogadores.

"Você deveria dar o exemplo aos seus filhos e esse é um caso vergonhoso de trapaça", disse Carsley segundo e imprensa britânica.

"Eu não estava nem perto dele. É uma piada. Sei que não houve toque e pedi ao juiz que me desse um cartão ou me expulsasse. Teria feito eu me sentir melhor".

O ponto conquistado contra o Liverpool deixa o Birmingham em 15o lugar, logo acima da zona de rebaixamento, e o técnico da equipe, Alex McLeish, também ficou frustrado com a decisão do árbitro Peter Walton.

"Ngog se jogou. Foi um mergulho fantástico", disse o treinador. "Às vezes há um debate sobre um pênalti quando há contato, mas nesse caso não houve nenhum."

"Não foi nem perto de ser pênalti", disse McLeish.

A partida colocou mais pressão sobre o técnico do Liverpool, Rafa Benítez, com sua equipe desfalcada por lesões na sétima posição e 11 pontos atrás do líder Chelsea.

Albert Riera, Yossi Benayoun e Daniel Agger deixaram o campo enquanto o atacante espanhol Fernando Torres sequer entrou em campo, devido a uma lesão.

"Alguns jogadores tem participado de muitas partidas em sequência. Eles dão muito duro e assim sempre existe o risco", afirmou Benítez.

 
<p>Ngog, do Liverpool, comemora gol contra o Birmingham City, na Inglaterra. Os furiosos dirigentes e jogadores do Birmingham City acusaram David Ngog, do Liverpool, de trapacear depois que o atacante ganhou um controverso p&ecirc;nalti no empate por 2 x 2 em Anfield Road na segunda-feira.09/11/2009.REUTERS/Phil Noble</p>